Inicial ESTUDOS SOBRE A MORTE Vida, morte e eternidade: um estudo completo segundo a Bíblia

Vida, morte e eternidade: um estudo completo segundo a Bíblia

11 minutos de leitura
0
0
57

Há um tema que, de forma geral, costuma preocupar muitas pessoas. Trata-se da morte e, especialmente, do que ocorre depois que uma pessoa falece. A perda de entes queridos ainda é um desafio para o ser humano, em todas as realidades culturais.

O título do material é Vida, Morte e Eternidade, e o autor principal é o pastor sul-americano Alberto Timm. Recentemente, o Comitê Executivo da Associação Geral, sede mundial da Igreja Adventista, nomeou Timm como diretor associado do Biblical Research Institute (BRI), o Instituto de Pesquisas Bíblicas da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Timm atuou como diretor associado do Ellen White Estate, órgão responsável pelo legado literário da escritora Ellen White, ao longo dos últimos 10 anos.

Graduado em Teologia, é mestre e doutor em Religião, e em 1995 defendeu a tese O Santuário e as três mensagens angélicastítulo de seu livro lançado pela Editora Universitária Unaspress.

Ao longo de sua trajetória de serviço à Igreja Adventista, iniciada em 1982, Timm teve várias funções. Ele foi pastor distrital; professor e diretor da pós-graduação em Teologia do Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP); reitor do Seminário Adventista Latino-Americano de Teologia (Salt) e coordenador da área de Espírito de Profecia da sede sul-americana adventista. Timm também é autor de um livro sobre a mesma temática que serve de apoio ao guia de estudo, que em português é disponibilizado pela Casa Publicadora Brasileira.

Veja a conversa que a Agência Adventista Sul-Americana de Notícias (ASN) teve com ele.

Conteúdo do guia

O que este guia de estudo da Bíblia tem a oferecer sobre os conceitos de morte e esperança?

O guia de estudos da Bíblia – intitulado em português Vida, Morte e Eternidade – apresenta a perspectiva bíblica sobre a origem do mal no universo e em nosso mundo, a natureza do ser humano e da morte, o plano divino para solucionar o problema do pecado e da morte. Além disso, mostra a esperança da ressurreição dos mortos e o dom da imortalidade. O guia também analisa alguns textos bíblicos controvertidos e responde a teorias antibíblicas muito populares em nossos dias como, por exemplo, as assim chamadas “experiências de quase morte”.

O livro complementar – publicado em português sob o título Além da Morte (CPB) – aprofunda um pouco mais os temas abordados durante cada semana. Fornece informações que, devido às limitações de espaço, não puderam ser acrescidas ao próprio guia de estudos. O livro complementa o guia de estudos sem depender dele. O material pode ajudar as pessoas a entenderem a posição bíblico-adventista sobre esse importante assunto.

Conceito dentro do cristianismo

Explique um pouco por que há, mesmo no meio cristão, muitos que creem em um conceito que diferencia o corpo e a chamada alma, como se fossem entidades independentes e separadas?

A Bíblia apresenta o ser humano como uma pessoa integral e indivisível, ou seja, que só pode existir conscientemente como um todo. Mas no período pós-apostólico, o cristianismo acabou sendo vítima do processo de helenização, passando a reler o texto bíblico alegoricamente da perspectiva da filosofia grega.

Para os filósofos gregos, especialmente Sócrates (como registrado por Platão), o corpo é a prisão da alma que, por sua vez, acaba sendo liberada pela morte. Essa visão filosófica da natureza humana se tornou um dos fundamentos básicos da teologia católica romana, foi mantida pela tradição protestante, e é um dos dogmas mais importantes de quase todas as denominações cristãs contemporâneas.

Perspectiva bíblica

De que maneira a Bíblia contradiz essa forma de enxergar a vida e a morte?

Esse é um assunto bastante amplo, e que exigiria uma abordagem mais detida. Mas existem três conceitos bíblicos fundamentais que não podem ser ignorados. Em primeiro lugar, o ser humano foi criado como uma pessoa integral e indivisível. O texto bíblico afirma que “formou o Senhor Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente” (Gênesis 2:7). Em outras palavras, o ser humano não tem uma alma imortal, mas é uma alma mortal.

Em segundo lugar, a morte nada mais é do que a cessação da vida em um estado de completa inconsciência (Salmo 146:4; Eclesiastes 3:19, 20; 9:5, 10; 12:7; Ezequiel 18:4, 20). E em terceiro lugar, a esperança bíblica para o dilema da morte não é a imortalidade natural do ser humano e sim a ressurreição final dos mortos (João 5:28, 29; 1 Coríntios 15:51-54; 1 Tessalonicenses 4:13-18). Jesus mesmo afirmou: “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá” (João 11:25).

Objetivos de aprendizado

Quais os objetivos, pensando nos leitores, ao escrever essa lição que fala de vida, morte e eternidade?

Escrevi o guia de estudos (e o livro que o acompanha) com três objetivos em mente. Primeiro, enfatizar a compreensão bíblica desses temas extremamente importantes, e responder às teorias antibíblicas tão populares em nossa cultura contemporânea. O segundo foi o de consolar biblicamente (e não com ilusões fantasiosas) aqueles que sofrem a dor da separação dos seus queridos que descansam na sepultura. E em terceiro lugar, a ideia foi a de fornecer argumentos bíblicos para que os membros da Escola Sabatina possam compartilhar esses temas com outras pessoas que não os conhecem devidamente.

O apóstolo Paulo advertiu que nos últimos dias todo o vento de falsas doutrinas estaria soprando (Efésios 4:14; 2 Timóteo 4:3, 4). Não é de se surpreender que o nosso mundo hoje está inundado pelos fortes vendavais do misticismo e do espiritualismo, em suas mais variadas formas. Precisamos, mais do que nunca, dizer ao mundo o que a Palavra de Deus nos diz sobre esses assuntos tão pertinentes para os nossos dias.

Carregue mais artigos relacionados
Carregar mais por TEMPO PROFETICO TEMPO PROFETICO
Carregue mais ESTUDOS SOBRE A MORTE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

As mensagens angélicas são para o nosso tempo?

Se todos soubessem que as mensagens deixadas por Deus para a humanidade por meio de três a…