Novidades

O Ciclo da Violência

Deveria ser considerado normal viver sob xingamentos, negligência, insultos, agressões físicas, verbais e psicológicas?

Darleide Alves

“Não tenha inveja de quem é violento nem adote nenhum dos seus procedimentos, pois o Senhor detesta o perverso, mas o justo é seu grande amigo.” Provérbios 3:31,32

A psicóloga norte-americana Lenore Walker identificou que as agressões cometidas em um contexto conjugal ocorrem dentro de um ciclo que é constantemente repetido.

AUMENTO DA TENSÃO

O agressor mostra-se irritado por coisas insignificantes. Tem acessos de raiva, humilha, faz ameaças, destrói objetos…

A mulher tenta acalmar o agressor, fica aflita e evita tudo para não “provocá-lo”. Isso causa tristeza, angústia, ansiedade, medo… Causa vergonha também e ela esconde o que está acontecendo. Mas aquilo pode evoluir para a fase 2.

ATO DE VIOLÊNCIA

A falta de controle chega ao limite e leva ao ato violento. A tensão acumulada na Fase 1 se materializa em violência verbal, física, psicológica, moral…

O sentimento da mulher é de paralisia. Ela sofre de uma tensão psicológica severa como insônia, perda de peso, fadiga constante, ansiedade, e sente medo, ódio, solidão, pena de si mesma, vergonha, confusão e dor…

Talvez, ela até se afaste do agressor, mas há um terceiro movimento neste ciclo:

ARREPENDIMENTO E COMPORTAMENTO CARINHOSO

Também conhecida como “lua de mel”. O agressor se torna amável para conseguir a reconciliação. A mulher acredita que ele vai mudar e aceita. Por alguns dias tudo fica calmo, feliz… Ela se sente responsável por ele, pelo casamento… Mas, o risco de o ciclo voltar para a primeira fase é comum, isso não é relacionamento. Isso é sofrimento. Não se trata de uma “briguinha de casal”, mas de violência real.

“O homem violento coage o seu próximo, e o faz deslizar por caminhos nada bons. O que fecha os olhos para imaginar coisas ruins, ao cerrar os lábios pratica o mal. Melhor é o que tarda em irar-se do que o poderoso, e o que controla o seu ânimo do que aquele que toma uma cidade.” Provérbios 16:29-30 e 32

_______________

Darleide Alves é apresentadora do programa Consultório de Família da TV Novo Tempo

Facebook Comments Box

sobre TEMPO PROFETICO TEMPO PROFETICO

Avatar

Além disso, verifique

Ponto da Convergência

Na cruz, as pessoas se encontram, pois jesus é o centro de todas as coisas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − 4 =