Novidades

O justo viverá pela fé

Aqui está mais uma profecia para a nação de Judá, feita em torno ano 630 AC. Este é mais um recado para que o povo pudesse sobreviver a crise que estava sendo anunciada de forma clara e iminente.

A primeira parte do texto (eis que a sua alma se incha, e não é reta nele), apresenta a visão de Deus sobre o profeta. Portanto, esta parte não é uma profecia, mas sim uma análise da maneira como Deus estava vendo o profeta. Deus, na verdade, estava reprovando a falta de fé de Habacuque. Ele estava com dificuldades para entender todo o plano de Deus. Não conseguia compreender o porquê de Deus ter que usar um povo mais ímpio para corrigir Israel, que não chegava nem perto da maldade assíria.

Há uma outra tradução desta primeira parte que é apresentada desta forma: “Se ele voltar atrás, a minha alma não tem nele prazer”.

E é isso mesmo. Deus não tem prazer em pessoas que ficam inchadas com suas próprias opiniões. Deus não tem prazer em pessoas que racionalizam as coisas espirituais e não se arrependem disso.

Amigo ouvinte, coisas espirituais nem sempre seguem a lógica ou a compreensão humana. Deus tem os planos dEle, mas nem sempre eles são plenamente compreensíveis para nós.

O Senhor está reprovando o profeta por ele estar reagindo de forma contrária ao que Deus dizia. Por isso apresenta então a única característica necessária para Habacuque sobreviver a crise que estava para acontecer em Jerusalém.

E qual é esta característica? “… mas o justo pela sua fé viverá”. E quem é o justo? “A palavra justo, significa “justos”, “corretos”, “sem culpa”, usada como referência a pessoa ou coisa, que foi examinada e achada em boas condições” (Estudo sobre os Profetas Menores, vol. 2, p.59). Esta pessoa boa, correta, devia desenvolver a fé. “O justo viverá pela fé”.

Quero fazer duas perguntinhas a você neste momento: O que é fé? Você tem fé?

Vamos tentar esclarecer o que é fé e assim fica mais fácil para você saber se tem ou não fé. “A palavra hebraica, que foi traduzida por fé, significa “constância”, “integridade” e “fidelidade”, e que descreve a relação de alguém para com Deus” (Estudo sobre os Profetas Menores, vol. 2, pg.59).

Com estas palavras, podemos começar a entender o que Deus queria dizer com “o justo viverá pela fé”.

Amigo ouvinte, fé na visão de Deus é muito diferente do que se ouve em nossos dias no mundo cristão. Fé para Deus significa um relacionamento que é marcado pela constância, integridade e fidelidade.

Há muitos por aí dizendo que têm fé, mas a vida deles mostra exatamente o contrário. O relacionamento deles com Deus é muito pobre e fraco. São cristãos apenas quando tudo está bem, ou até a primeira prova, o primeiro problema. Quando a dificuldade surge, abandonam tudo e passam a viver como qualquer descrente. De fato, não têm fé nenhuma.

A palavra fé também significa um relacionamento marcado de fidelidade a Deus. Amigo ouvinte, é a hora da prova que mostra que tipo de cristão nós somos. A fidelidade a Deus deve ser a marca registrada do verdadeiro cristão. O cristão que tem fé não abandona as convicções diante da primeira dificuldade.

Entre os muitos heróis da fé gostaria de destacar um escocês, que recebeu o nome de David Livingstone. David desde a infância ouvira falar dos missionários que deixavam a terra natal para irem a lugares difíceis e pregarem o evangelho. Na juventude estudou medicina para se tornar um médico missionário. Ao concluir o curso planejava ir para a China. Mas um dia, ao ouvir o discurso de um missionário que acabara de chegar da África, os planos mudaram. Aquele missionário, olhando nos olhos de Livingstone, disse: “Há uma vasta planície ao norte, onde tenho visto, todas as manhãs ensolaradas, a fumaça de milhares de aldeias, onde nenhum missionário ainda chegou.”

Comovido, o jovem escocês respondeu: “Irei imediatamente para a África.” Às cinco horas da manhã do dia 17 de novembro de 1840, após ler o salmo 121 e o 135, viajou de Glasgow ao Rio de Janeiro e por fim à cidade do Cabo, na África. A viagem durou três meses.

David, com 27 anos, chegou a África e dedicou toda a vida dele ao povo africano. Andou a pé fazendo o bem cerca de 17.600 quilômetros. Porém, no ano de 1873, fraco e doente, foi conduzido por dois de seus auxiliares até a aldeia Chitambo, em Ilala onde fizeram uma cabana para ele. Nessa cabana, no dia primeiro de maio de 1873, acharam David Livingstone de joelhos, ao lado da cama, morto. Orou enquanto viveu e morreu também orando.

Os dois fiéis companheiros de David enterraram o coração dele debaixo de uma árvore em Chitambo, secaram e embalsamaram o corpo, e o levaram até a costa. Na viagem até o litoral, de Chitambo até o porto de Zamzibar (cerca de 1.600 quilômetros) precisaram cruzar o território de tribos hostis carregando o corpo do missionário. De Zanzibar ele foi transportado para a Inglaterra, onde foi sepultado na abadia de Westminster.

No túmulo desse grande herói da fé podem ser lidas estas palavras: “O coração de Livingstone jaz na África, seu corpo descansa na Inglaterra, mas sua influência continua”.

Amigo ouvinte, fé é ser fiel a Jesus independentemente do que venha a acontecer. É não desanimar. Não desistir. Ter fé em Deus é saber que o Senhor irá guiar você, irá proteger você, irá abençoar você. Habacuque afirma categoricamente que aquele que vive pela fé, confiando no Altíssimo, será salvo, enquanto que o orgulhoso, o arrogante, o impenitente perecerá em seus pecados. Sobreviverão a crise àqueles que aprenderem a confiar plenamente em Deus, independentemente de entender ou não o plano divino.

Facebook Comments

sobre TEMPO PROFETICO TEMPO PROFETICO

Além disso, verifique

O que é profecia?

O mundo das profecias é extraordinário. Para muitos é algo completamente escuro e desconhecido. Às …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Portal Tempo Profético Online

Nesse Portal teremos Matérias com mais detalhadamente sobre as Profecias.

× Atendimento Online!